De Hipocrisia e Falsos Moralismos a 23 de Janeiro de 2010 às 21:13
Bem visto, é preciso alertar as consciências e combater todo o tipo de excessos:
· Os excessos de rendimentos seja qual for a forma de os obter;
· O excesso de pobreza, de excluídos e vilipendiados, de todos os direitos incluindo o da dignidade de ser pessoa, que começa pela exclusão do direito ao trabalho;
· O excesso de hipocrisia sobretudo daqueles que, sem separar as águas, afirmam muito simples e genericamente que "vivemos acima das possibilidades".
Talvez até tenham razão, porque dizem "Vivemos..." porque não abdicam dos seus excessos e excedentes? Alguém os impede? Se tivessem o mínimo de consciência e alguma vergonha ou se calariam ou tomariam a lógica medida de abdicar de parte dos seus rendimentos em favor dos que mais precisam.
Juntem-se e criem uma fundação que promova o equilíbrio económico e social. Tomem medidas e deixem-se de balelas e falsos moralismos. Basta.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres