6 comentários:
De Memória curta?? a 14 de Fevereiro de 2010 às 15:10
“Os sinais avolumam-se diariamente e procuram criar as condições para impor ao país uma solução rejeitada nas urnas pelos portugueses.”
O que está a acontecer actualmente é uma “reprise” do que aconteceu em 2004/2005
Estão esquecidos? Não foi assim há tantos anos. E até com um governo de maioria absoluta.
Onde andavam os subscritores da petição nessa altura?


De Loucura colectiva a 14 de Fevereiro de 2010 às 19:36
Que grande confusão

Onde estão as semelhanças de “reprise”?

O comentador poderá ter alguma razão na falta de coerência de certas tomadas de posição, como já vai sendo habitual em todos os quadrantes políticos. Mas, daí a afirmar que existem semelhanças sem dizer quais são é demagogia barata, alem de desonestidade política e pessoal.


De Memória Curta?? a 14 de Fevereiro de 2010 às 21:59
Diz o povo e com razão, que não há pior cego do que aquele que não quer ver.
onde estão as semelhanças? Vou então repetir:
“Os sinais avolumam-se diariamente e procuram criar as condições para impor ao país uma solução rejeitada nas urnas pelos portugueses”
Este é parte do texto actual do “Manifesto”, mas poderia muito bem ser utilizado, sem qualquer modificação, aquando da queda do governo de Santana Lopes.
Porque não emigra para a Coreia do Norte, seguramente que o Grande Líder apreciaria extremosamente a sua cega fidelidade.


De DD a 14 de Fevereiro de 2010 às 20:26
Muito bem, eu subscrevo inteiramente este Manifesto e não vejo nenhuma confusão com outros ataques a Sócrates.


De ...Levar a mal tudo isto ( avacalhado) ! a 17 de Fevereiro de 2010 às 16:12
Insensatez

Depois de meia dúzia de jovens empolgados terem convocado uma manif de bota-a-abaixo que não chegou a encher um triângulo de passeio, vêm agora outros tantos pretender coisa de sinal contrário e recolhem assinaturas que mais não são do que registos anónimos e sem qualquer controlo, para provarem que "o povo unido, não está arrependido".

Portugal continua a ser a galhofa da Europa que já só não ri a bandeiras despregadas, como antes, porque se começa a assustar com tanta falta de bom senso. Uma democracia virtual, não baseada na cidadania mas nos bits e nos teclados de meia-dúzia de telelés que pretendem valer mais do que "um homem, um voto".

Uns e outros fingem esquecer que há preceitos e formas constitucionais válidas para medir a censura e a confiança e chamam cidadania a tretas da NET que são viciadas por definição. Entretanto as regras da Constituição ficam guardadas para melhores dias, bem como a democracia parlamentar que por elas se rege.

Nós sabemos que é Carnaval mas as pessoas, mais dia, menos dia, vão mesmo começar a levar tudo isto a mal.
LNT , [0.071/2010] A Barbearia
---------------------------------------
Alguns comentários:
Anónimo:
Façam o exercício de ir ao país real, senhores de Lisboa e riam, riam até mais rir

Pézinhos N' Areia disse...
tem uma certa razão Caro Barbeiro
a palavra certa é:
- AVACALHAR.

Tudo !!!
E este TUDO começa a dar-me náuseas.

Mas o que me preocupa deveras são os desempregados sobretudo, os de longa duração, os que têm mais idade, e ... os idosos solitários que morrem de frio em Lisboa, ou em incêndios nos prédios centenários de Lisboa.

Anônimo disse...
Não sou PS, mas votei PS!
Assinei a petição, acho que se devia colocar o nº de BI.
Não percebo a sua "raiva" (limitação minha!).

Uma petição não é nenhum atentado à Democracia, seja ela qual for!
Duarte

Kruzes Kanhoto disse...
Gostamos de mentirosos e toleramos corruptos. Invocamos as decisões da justiça quando nos servem mas desdenhamos delas quando solta criminosos. A credibilidade é coisa que, de facto. não nos falta. A todos.

Luis Novaes Tito disse...
Duarte
Eu sou PS e votei PS. Não assino este tipo de coisas porque não lhes reconheço qualquer tipo de credibilidade.
Aliás, como sabe, ninguém assina coisa nenhuma. Aquilo é só uma lista de nomes sem qualquer certificação, feita sabe-se lá por quem e em nome de quem.
Não existe nenhuma raiva, o que existe é, como diz a "Pezinhos na Areia" lá mais para cima, o "avacalhamento" total da democracia.
Como não gosto que me passem atestados de estupidez recuso-me a participar na feitura deles.
É tudo.

16 de fevereiro de 2010


De detectives privados portugal a 29 de Novembro de 2011 às 02:02
nice muito obrgado! ler isto é extremamente belíssimo. aquela entrada é mesmo fantástico.. paxei a ser seguidor aqui do website.. abrçs


Comentar post