De DD a 31 de Março de 2010 às 00:42
A SIC Notícias disse que o encontro arranjado pelo cônsul honorário foi entre um administrador da Ferrostaal e o recém nomeado presidente da Comissão da UE, José Manuel Barroso.
Na verdade foi sim, mas com o então primeiro-ministro de Portugal José Manuel Barroso.
Nessa qualidade, Barroso com Portas decidiram a compra dos submarinos, não na qualidade de presidente da UE quando não podia influenciar o quer que seja em Portugal.

Cuidado pois com as manobras temporais. Os submarinos foram contratualizados pelo Portas como ministro da Defesa, pelo Barroso como Primeiro Ministro e pela Manuela Ferreira Leite como ministra das Finanças.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres