De anónimo a 14 de Abril de 2010 às 11:35
Isto é uma faceta da captura do Estado (e seus bens) ou uma camuflada Privatização da República pelos duques e barões do centrão de interesses, dos abutres e vampiros que gozam e Sugam os Portugueses.

Se pudesse, emigrava para um país decente... mas antes dava uma ripeirada nesses salafrários.


De Zé T. a 14 de Abril de 2010 às 11:51
atenção !

Não confundir «Estado» (órgãos, bens e administração pública da República Portuguesa)
com alguns membros de determinados órgãos ou partes da Adm.Pública ... e outras entidades 'participadas' ou tuteladas pelo Estado. - especialmente os seus representantes maiores e adjuntos ...

No Estado (e na Administração Pública) trabalham milhares de pessoas («servidores do interesse público») que pouco ou nada têm a ver com as decisões tomadas pelos dirigentes, administradores ou membros dos órgãos executivos, deliberativos, ...
nem com os rendimentos escandalosos ou usos e abusos de bens públicos.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres