Sócrates enganou-se

Sócrates ao dizer "manso é a sua tia" deveria ter dito "mansa é a sua mãe" ao honestíssimo Louçã.

 

Isto por que a senhora Noémia da Rosa Anacleto Louçã, mãe do deputado Louçã de 47 anos de idade, foi nomeada assessora do grupo parlamentar do Bloco de Esquerda na Assembleia da República. Está visto que Louçã "privatizou" o seu Grupo Parlamentar a favor da família. E já não é o primeiro caso de nepotismo familiar, pois no Parlamento Europeu está lá um casal.

 

A senhora deve ter idade para estar reformado e, talvez, até acumule para ganhar alguns cobres mais.

 

Estes lugares de assessores de Grupos Parlmentare deveriam ser exclusivos de licenciados em ciências políticas, eventualmente com mestrado em direito constitucional ou coisa no género, e relativamente jovens. Assim, os partidos garantiam o seu futuro com jovens cultos, politicamente instruídos e a adquirir experiência.

 

O mesmo se aplicaria a assessores de Ministros, devendo neste caso serem escolhidos especialistas de diversos sectores.

 

Agora, escolher a maezinha com alguns 67 anos de idade ou mais, não lembra o diabo.



Publicado por DD às 19:42 de 17.04.10 | link do post | comentar |

7 comentários:
De Anacleto a 12 de Abril de 2011 às 11:09
O sr. é uma besta, ainda mais que o Louçã, porque não se corrige, como as bestas.O Louçã idem, mas ao me nos e Anacleto. Embora eu seja o original, e os outros apenas netos e penas.


De Gazela a 13 de Junho de 2010 às 15:47
"Igualmente incorrecto será ver como impeditivo ao exercício da actividade política o facto de ser mãe de outro cidadão cuja actividade política se conhece e não me lembro de ter sido acusado de corrupção"

Meu caro "poalhas",

Não lhe parece que com este tipo de argumento corre o risco de justificar todos os nepotismos que possam vir a aparecer?
Nada e penso que ninguém impedirá a Senhora de concorrer até à Presidente da República, se para tal não tiver já ultrapassado a idade permitida, mas, ser nomeada pelo próprio filho é coisa que, por mais que tentem, não me convence.


De Manuel Anastácio a 30 de Setembro de 2010 às 22:36
Mas onde é que há aqui nepotismo, valha-me Deus?


De poalhas a 9 de Junho de 2010 às 14:09
Não tenho filiação partidária e não pretendo tomar a defesa da mãe do Louçã - que não deve precisar dos meus modestos préstimos. Mas parece-me errado apontar a idade da senhora como descrétito da sua valia. Igualmente incorrecto será ver como impeditivo ao exercício da actividade política o facto de ser mãe de outro cidadão cuja actividade política se conhece e não me lembro de ter sido acusado de corrupção. A senhora pode até ser jovem apesar dos seus 79 anos e a Assembleia da República está infestada de velhos com metade dessa idade...


De marcadores a 17 de Abril de 2010 às 22:03
Este post está cheio de gralhas.
O Deputado Francisco Louçã terá 54 anos logo asua mãezinha deverá ter 7o e muitos...
E a senhora chama-se Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã e não como está referido (Rosa).
O mal é que com estas gralhas deixa de ser acutilante...


De DD a 18 de Abril de 2010 às 00:13
FRANCISCO ANACLETO LOUÇÃ, de 54 anos de idade, portador do Bilhete de Identidade nº 4711887, emitido pelo Arquivo de Identificação de Lisboa em 6 de Abril de 1998, filho de António Seixas Louçã e de Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã, solteiro, professor universitário, natural de São Sebastião da Pedreira, Lisboa e residente na Avenida Duque de Loulé nº 105, 1º, Lisboa;


Despacho (extracto) n.º 5296/2010
Por despacho de 15 de Outubro de 2009 do presidente do Grupo
Parlamentar do Bloco de Esquerda:

Licenciada Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã — nomeada,
nos termos do n.º 6 do artigo 46.º da Lei de Organização e Funcionamento
dos Serviços da Assembleia da República, republicada pela Lei
n.º 28/2003, de 30 de Julho, para a categoria de assessora do Grupo
Parlamentar do Bloco de Esquerda, sem qualquer remuneração.
1 de Fevereiro de 2010. — A Secretária -Geral, Adelina Sá Carvalho.
203047263

Pergunta nº 1- Pode-se trabalhar na AR em regime do voluntariado, tipo Cruz vermelha?
Pergunta nº2-E trabalha-se lá assim a pão e água, sem regalia nenhuma ?
Pergunta nº3-Com o devido respeito , será que com 79 anos a Senhora Dra ainda poderá ligeira subir aquelas escadarias


De Zé das Esquinas o Lisboeta a 18 de Abril de 2010 às 10:51
Se sabia as idades do Sr. FL e da sua mãezinha, porque escreveu errado?
Se sabia o nome da Srª, porque escreveu mal?
Se não sabia ou se se enganou, porque não corrige o post?
Passo a explicar como se faz:
- Vai ao blog sapo, faz o login, editar post, e lá no texto, corrige os erros/gralhas das idades e do apelido.
Vê, é fácil e fica muito mais bonito.


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Novembro 2019

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO