7 comentários:
De Anacleto a 12 de Abril de 2011 às 11:09
O sr. é uma besta, ainda mais que o Louçã, porque não se corrige, como as bestas.O Louçã idem, mas ao me nos e Anacleto. Embora eu seja o original, e os outros apenas netos e penas.


De Gazela a 13 de Junho de 2010 às 15:47
"Igualmente incorrecto será ver como impeditivo ao exercício da actividade política o facto de ser mãe de outro cidadão cuja actividade política se conhece e não me lembro de ter sido acusado de corrupção"

Meu caro "poalhas",

Não lhe parece que com este tipo de argumento corre o risco de justificar todos os nepotismos que possam vir a aparecer?
Nada e penso que ninguém impedirá a Senhora de concorrer até à Presidente da República, se para tal não tiver já ultrapassado a idade permitida, mas, ser nomeada pelo próprio filho é coisa que, por mais que tentem, não me convence.


De Manuel Anastácio a 30 de Setembro de 2010 às 22:36
Mas onde é que há aqui nepotismo, valha-me Deus?


De poalhas a 9 de Junho de 2010 às 14:09
Não tenho filiação partidária e não pretendo tomar a defesa da mãe do Louçã - que não deve precisar dos meus modestos préstimos. Mas parece-me errado apontar a idade da senhora como descrétito da sua valia. Igualmente incorrecto será ver como impeditivo ao exercício da actividade política o facto de ser mãe de outro cidadão cuja actividade política se conhece e não me lembro de ter sido acusado de corrupção. A senhora pode até ser jovem apesar dos seus 79 anos e a Assembleia da República está infestada de velhos com metade dessa idade...


De marcadores a 17 de Abril de 2010 às 22:03
Este post está cheio de gralhas.
O Deputado Francisco Louçã terá 54 anos logo asua mãezinha deverá ter 7o e muitos...
E a senhora chama-se Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã e não como está referido (Rosa).
O mal é que com estas gralhas deixa de ser acutilante...


De DD a 18 de Abril de 2010 às 00:13
FRANCISCO ANACLETO LOUÇÃ, de 54 anos de idade, portador do Bilhete de Identidade nº 4711887, emitido pelo Arquivo de Identificação de Lisboa em 6 de Abril de 1998, filho de António Seixas Louçã e de Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã, solteiro, professor universitário, natural de São Sebastião da Pedreira, Lisboa e residente na Avenida Duque de Loulé nº 105, 1º, Lisboa;


Despacho (extracto) n.º 5296/2010
Por despacho de 15 de Outubro de 2009 do presidente do Grupo
Parlamentar do Bloco de Esquerda:

Licenciada Noémia da Rocha Neves Anacleto Louçã — nomeada,
nos termos do n.º 6 do artigo 46.º da Lei de Organização e Funcionamento
dos Serviços da Assembleia da República, republicada pela Lei
n.º 28/2003, de 30 de Julho, para a categoria de assessora do Grupo
Parlamentar do Bloco de Esquerda, sem qualquer remuneração.
1 de Fevereiro de 2010. — A Secretária -Geral, Adelina Sá Carvalho.
203047263

Pergunta nº 1- Pode-se trabalhar na AR em regime do voluntariado, tipo Cruz vermelha?
Pergunta nº2-E trabalha-se lá assim a pão e água, sem regalia nenhuma ?
Pergunta nº3-Com o devido respeito , será que com 79 anos a Senhora Dra ainda poderá ligeira subir aquelas escadarias


De Zé das Esquinas o Lisboeta a 18 de Abril de 2010 às 10:51
Se sabia as idades do Sr. FL e da sua mãezinha, porque escreveu errado?
Se sabia o nome da Srª, porque escreveu mal?
Se não sabia ou se se enganou, porque não corrige o post?
Passo a explicar como se faz:
- Vai ao blog sapo, faz o login, editar post, e lá no texto, corrige os erros/gralhas das idades e do apelido.
Vê, é fácil e fica muito mais bonito.


Comentar post