6 comentários:
De ze das couves a 9 de Dezembro de 2011 às 07:04
Voce na sabe que escrever mentiras e muito feio?
Olhando aqui para a minha folha de salario, esta la escrito que 10% do bruto e retido para a reforma.
Quanto a reformas de 9000 EUR, sim ha, mas e para uma minoria de priveligiados da alta funcao publica europeia.
Ah, e ja agora, para ir embora com a reforma por inteiro (maximo 70% do ordenado de base), sao precisos 35 anos de servico....
Informe-se.....


De ... a 22 de Abril de 2010 às 10:14
«Reformas: min. 500, máximo 5.000»

Caldas da Rainha, Leiria, 22 abr (Lusa) - O candidato à presidência da República, Fernando Nobre, insurgiu-se hoje contra a existência de figuras públicas a acumular várias reformas e o ordenado e defendeu reformas mínimas de 500 euros e máximas de cinco mil euros.

Fernando Nobre critica acumulação de reformas e defende reforma mínima de 500 euros

"Não podemos estar num país onde há pessoas públicas, a receberem uma, duas três reformas vitalícias, e a terem o seu ordenado, ainda por cima, e depois há pessoas com reformas baixinhas quê se têm necessidade de trabalhar, vêm reduzida a reforma" afirmou Fernando Nobre recusando "citar nomes".

"Defendo que devia haver uma reforma mínima de 500 euros e uma reforma máxima de cinco mil euros" acrescentou Fernando Nobre, nas Caldas da Rainha, onde participou numa conferência intitulada "Cidadania - todos somos responsáveis".


De Ressaca a 22 de Abril de 2010 às 15:05
Manuel Alegre recebe uma reforma de 3.219,95 euros mensais pelo cargo de coordenador!!! de programas de texto da Rádio Difusão Portuguesa que ocupou por alguns meses!!!!.
A informação faz parte da lista dos aposentados e reformados divulgada pela Caixa Geral de Aposentações CGA ), citada pelo Correio da Manhã.
Em declarações ao jornal, Alegre garantiu que nem se lembraria da reforma!!!, se não fosse a CGA a escrever-lhe uma carta. O deputado explicou que foi funcionário da RDP durante «pouco tempo», já que começou a trabalhar na rádio quando voltou do exílio, após o 25 de Abril, e saiu em 1975 quando foi eleito deputado, cargo que ocupou desde então. «Nunca mais lá trabalhei, mas descontei sempre», disse o deputado.

Descontou sem trabalhar!!!
Mas que maravilha, descontar e andar pelos corredores da Assembleia da República!!!
Mais um rico exílio.
Mas que belo exemplo este, e vai concorrer para PR !!!!!!!!!!!!!


De Izanagi a 21 de Abril de 2010 às 18:03
Recentemente recebi um e-mail com esta informação. Acontece que hoje ao fazer o link para o jornal Le Point apercebo-me que a notícia é de Maio de 2009. Curiosamente ou não, a comunicação social nacional não deu o mínimo destaque ao assunto.
Porque será?


De Zé T. a 21 de Abril de 2010 às 18:30
aproximavam-se eleições para o Parlamento Europeu ...
e havia muitos interessados ... na chocolateria bruxelense !



De fatbot a 21 de Abril de 2010 às 15:32
a Vida não está fácil para Ninguém ...

Fácil está apenas para os Oportunistas e para os parentes desses mesmos Oportunistas!

A cada dia que passo me sinto mais e mais desiludida com Tudo aquilo que me/ nos rodeia ... um até SEMPRE!

Sou Feliz todas as noites em que me deito com a minha Consciência tranquila!!!


Comentar post