1 comentário:
De . a 12 de Maio de 2010 às 15:45
Não é uma declaração extraordinária (como já ouvi chamar-lhe) mas, sim, é corajosa e, sobretudo, inteligente
Alexandra Tavares Teles

"O sofrimento da Igreja vem do interior da Igreja, dos pecados que existem na Igreja. Considero isso algo verdadeiramente aterrador. A maior perseguição à Igreja não vem dos inimigos do exterior mas nasce, sim, dos pecados da Igreja. Existe a grande necessidade de se cumprir a penitência, de aceitar a purificação, de forma a procurar o perdão mas também a justiça. O perdão não exclui a justiça".

Bento XVI (sobre os casos de pedofilia na Igreja Católica)

via Jugular.blogs.sapo.pt


Comentar post