Sócrates conclui amanhã consultas internas para decidir candidato presidencial

Título de notícia do jornal Público on-line de hoje

 

 

Não sei se os militantes com quotas em atraso também vão pode pronunciar-se ou se apenas abrange os militantes com quotas em dia.

Como tenho as quotas em dia, podem imaginar a minha “ansiedade” e simultâneo "desalento" por ver a data aproximar-se e ainda, ao contrário do que é habitual quando há processos eleitorais, quer sejam internos ou externos, não ter sido contactado para me pronunciar.

Será que houve qualquer anomalia na base de dados? Vocês já foram contactados?

 

PS –Post scriptum

Depois de ter escrito isto falei com amigos que me disseram que não posso continuar a ser ingénuo (confessaram mais tarde que foram simpáticos, porque o adjectivo que deviam ter utilizado era antes “ignorante” ou mais forte ainda "PARVO"), que militante é mesmo isso: pagar quotas e estar disponível para as campanhas nos momentos eleitorais.

Eu nunca mais aprendo !!!!


MARCADORES: ,

Publicado por Izanagi às 19:44 de 24.05.10 | link do post | comentar |

4 comentários:
De anónimo a 25 de Maio de 2010 às 10:09
Eu não fui (nem devo ser) consultado, apesar de ter as quotas em dia.

Não creio ser ingénuo nem ignorante ... mas parvo, talvez. Contudo vou continuar a pagar quotas... porque acredito que as coisas, um dia , vão mudar...

Entretanto, em coerência comigo próprio, vou votar em quem muito bem entender ... independentemente do Secretário/secretariado A ou B decidirem o que quer que seja.
alias, esta parece ser uma ''relação de nãos'' :
a nomenclatura ''não liga/não consulta'' os militantes de base (sem cargos/tachos) e estes ''não militam/ não ligam'' à nomenclatura...
e vice-versa, sendo que nuns casos esta aberrante relação dá divórcio e muitas pedradas.


De Ressaca a 25 de Maio de 2010 às 10:14
Ora aqui está um 'parvo' esclarecido!


De Militante... Socialista a 25 de Maio de 2010 às 09:57
Militante... Socialista

Eu não queria dar-te um desgosto
Mas quem sofre por gosto
Sofre e não cansa
Mesmo que não haja mudança

O militante, gente de cartão
Barafusta, mas o que quer é ter à mão
É alguém que lhe dê um empurrão
Para um qualquer cadeirão

A militância é uma treta
Com trabalho ninguém me comprometa
Eu quero é uma boa muleta
Num qualquer lugar da treta

P`ro partido estou-me borrifando
Dele apenas me quero servir
Se alguém por ali anda trabalhando
Eu cá vou-me ficar a rir.


De Ressaca a 25 de Maio de 2010 às 10:13
Gostei.


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO