Mais uma Mentira Sindicalista na TSF

Diariamente os noticiários emitem mentiras sob mentiras acerca do governo Sócrates e do PS, mesmo a respeito de assuntos não muito importantes.

Ontem, a TSF anunciou que o governo suspendeu o concurso para a aquisição de uma nova arma ligeira para o exército a fim de substituir a velha G-3 de há uns 40 anos ou mais, o que é verdade e está em concordância com as necessárias medidas de redução de despesas.  E como é habitual, a TSF foi dar direito de antena a mais um aldrabilhas profissional, um sargento da respectiva associação sindical.

Este disse que é errado não comprar uma nova arma ligeira pois a G-3 apesar de ser uma arma fiável é muito pesada e já não tem o calibre Nato, etc. e coloca os soldados portugueses em situação de inferioridade nas missões no estrangeiro.

O sargento sindicalista, como é habitual na sua espécie, não disse que o País tem comprado armas ligeiras muito modernas em pequenas quantidades, nomeadamente a espingarda israelita Galil com a qual são equipados os pequenos agrupamentos que têm ido para missões no exterior. E essas compras não são de agora, têm sido feitas há bastantes anos, pelo que é inacreditável que o sorja não tivesse disso conhecimento, devendo haver um número suficiente para equipar um batalhão ou mais. Também ninguém disse que o Governo não está interessado em meter o País numa guerra de grandes proporções, limitando-se a apoiar missões de paz e segurança com pequenos destacamentos.

A Galil é uma versão muito melhorada da Kalashnikov com o novo calibre Nato, tendo sido considerada como uma das melhores armas ligeiras do Mundo, ou não fosse israelita e é fabricada com uma precisão extrema.

Nas Kalashnikovs AK-47 e sucedâneas, o recuo do tiro é mais ligeiro e não menos eficaz, pois a bala é acelerada por gases em expansão e possuem no fim do cano um orifício que liga a um pequeno tubo que leva para trás um pequena parte do gás impulsionador para accionar com grande rapidez o mecanismo de ejecção do cartucho e reposição automática de nova bala na câmara.


MARCADORES: ,

Publicado por DD às 09:25 de 30.05.10 | link do post | comentar |

4 comentários:
De Zé das Esquinas o Lisboeta a 31 de Maio de 2010 às 10:01
“… O sargento sindicalista, como é habitual na sua espécie,…”
Qual espécie DD? De sargento? De sindicalista? De ambas?
Quais delas te incomodam?
Julgo que sei. O que o incomoda é que o 'sargento sindicalista' afrontou uma decisão do governo - opinou contra. E isso é para DD pior que uma blasfémia é para um crente.
Mais uma vez pelo já habitual fica borrado o conteúdo do post, pelo seguidismo obtuso deste cego defensor ao poder instituído.
É que DD mostra mais uma vez que é um fundamentalista do PS. E está aqui no Luminária em missão.


De anónimo a 31 de Maio de 2010 às 09:29
Apesar de tudo (de muitas falhas de coordenação, de modernização, de... e de submissão à nomenclatura do PCP, do PS e do PSD) prefiro o SINDICALISMO ...
do que os mentirosos, propagandistas e sabujos do Poder partidário-financeiro-... e seus advogados NEPOTISTAS, CORRUPTOS, LADRÕES e EXPLORADORES SELVAGENS !!


De Zé T. a 31 de Maio de 2010 às 09:17
«... a mais um aldrabilhas profissional, um sargento da respectiva associação sindical. ...» esta parte era escusada DD - criteique as ideias ou a falta delas mas evitem-se os insultos.
Com este proceder, ficam 'permitidos' comentários de equiparável conteúdo... contra o DD.

Bom, o que parece que também faz falta na análise é questionar a validade de um exército/ F.Armadas com tanta gente ... incluindo tantos oficiais superiores e generais ! em tempo de PAZ e de enquadramento de Portugal na UE e na NATO.

E se existe bom equipamento para ''um batalhão ou mais'' (o resto subentende-se que é menos bom, desadequado ou mau) tem lógica que se pense em reduzir as FA... deixando apenas algumas unidades de élite (e participação em missões internacionais) e algumas de instrução e apoio.
Esta era uma forma de poupar muito dinheiro dos cofres públicos ... podendo os jovens e milicianos ser disponibilizados para actividades mais necessárias e produtivas (PSP,GNR, bombeiros, socorro-paramédicos, protecção e desenvolvimento florestal, agricultura, pesca, indústria, ...)




De DD a 31 de Maio de 2010 às 20:57
Está em curso uma importante redução das FAs , nomeadamente do exército e também há a pretensão de não promover todos os tenentes-coronéis a coronéis e depois a generais ou quase todos e os capitães-de-mar-e-guerra a vice-almirantes, o que fez parte de uma ampla política com dezenas de anos de promover toda a gente na função pública ao posto máximo possível, o que acho muito bom e acharia ainda melhor se eu tivesse sido funcionário público, mas tem os seus custos e todos pagamos.

Tal como acontece na biologia, todos os organismos tendem a crescer continuamente e a fazer emergir a complexidade até atingir-se a crise como a que levou ao desaparecimento dos dinossáurios e levou pequenos mamíferos a iniciarem um processo de crescimento e complexidade até chegar ao humano, este ano criador de vida artificial e inventor dos antibióticos e de Auschwitz .


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Novembro 2019

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO