2 comentários:
De . a 23 de Setembro de 2010 às 16:27
não me parece que em Portugal estejamos muito longe destes comportamentos éticamente reprováveis...

políticos e ex-políticos, administradores de empresas e fundações públicas ou semi-públicas ou participadas ... a viver `(à grande e à francesa) a viver às custas do Orçamento de Estado (dos contribuintes), com reformas e mordomias de marajá ...


De DD a 21 de Setembro de 2010 às 22:46
Falta acrescentar q o chanceler alemão Kohl vendeu à Total francesa as refinarias Leuna da antiga RDA por uma ninharia. A Fina-Total pagou então comissões de alguns milhões ao Chirac e ao Kohl q combinaram entre si o negócio.
Na primeira guerra do Golfo, o chanceler Kohl vendeu aos americanos e aos sauditas uns tanques do exército alemão à prova de armas químicas, radioactivas, etc. A venda foi feita por um preço baixíssimo a um amigo do Kohl com empresa na Suíça que depois vendeu os tanques por quase o dobro aos referidos compradores. Foram uns milhões muito largos q o Kohl encaixou para si ou para o seu partido.


Comentar post