3 comentários:
De DD a 18 de Outubro de 2010 às 00:17
Já ouve um comunicado oficial a dizer que isso é tudo mentira.
O que se fez foi incluir as despesas de representação no salário normal de modo a que sobre elas recaiam os descontos para a Segurança Social e o IRS.
Os tais gestores aumentados ficaram a ganhar menos por poagarem mais impostos.
Só os parvos é que acreditam piamente no que está escrito num jhornal de uma ladrão como o Belmiro de Azevedo que colocou a sede da sua empresa na Holanda para pagar menos impostos e explora os seus trabalhadores até às últimas consequências.
Agora anda a meter máquinas automáticas de pagamento de compras para pôr no desemprego muitas das mal pagas empregadas das caixas das suas lojas.
Belmiro é um capitalista asqueroso que pouco ou nada fez para incrementar a produção nacional.


De GREVE GERAL na União Europeia ! a 15 de Outubro de 2010 às 09:39
Também por isso (pelas asneiras que fizeram, pelo que não fizeram e deveriam fazer para defesa do interesse público e pelo que deixaram fazer/sacar/estragar aos amigos e apaniguados) é que
vamos fazer Greve Geral dia 24 Novembro.

Estes políticos do PS e do PSD (e os governantes da UE) não são nossos dignos representantes ...mas sim e apenas representantes do seu bolso(+ dos seus familiares e associados) e dos bancos e especuladores.

Contra esta política de opressão dos trabalhadores (dos sectores público e privado) e dos micro/pequeno empresários !

Apoio à Greve Geral na União Europeia !


De Zé das Esquinas, o Lisboeta a 17 de Outubro de 2010 às 14:52
Eu fazia GREVE mas era ao pagamento de impostos.
Isso é que era...


Comentar post