Independentismo e terrorismo apoiado/ tolerado pelas democracias

Os prisioneiros eram engordados antes de serem mortos para venda de rins e outros órgãos

     Mas estamos a falar de quem? Do 1º ministro do Kosovo, "eleito" pela NATO, em 2008 e talvez reeleito em eleições no domingo passado, Hashim Thaçi.
     Um relatório aprovado pela Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa, resultado da investigação, durante 2 anos (2008-2010) do magistrado suíço Andy Sparkes, nomeado por esta organização e tornado público em Paris, esta 5ª f., 16 de Dezembro de 2010, revela que os membros do UÇK (Exército de Libertação do Kosovo), chefiados pelo actual 1º M do Kosovo, Hashim Thaçi, que no fim dos anos 90 desenvolviam uma guerrilha pela independência desta província Sérvia, de maioria albanesa, constituíam uma organização terrorista dedicada ao tráfico de armas, de heroína e de órgãos humanos.
     Revela o relatório, com grande escândalo, que o UÇK mantinha, no fim dos anos 90, os prisioneiros sérvios, em cárceres secretos na Albania, até encontrarem clientes, em geral estrangeiros, para rins e outros órgãos, momento em que lhes davam um tiro na cabeça e procediam ao negócio. O relatório afirma que a prática dos crimes se mantêm até hoje. [El País]
     Mas como poude este ser abjecto tornar-se 1º ministro do Kosovo?
     Quando no fim dos anos 90 a Sérvia não se dispunha a tornar independente uma província sua, o Kosovo, aliás berço da nacionalidade sérvia, os EUA com o apoio interesseiro da Alemanha e os restantes países da UE a reboque, "convenceram" a Sérvia com ataques aéreos a Belgrado. Vencida a Sérvia, o Kosovo transformou-se num protectorado norte-americano em parceria com a União Europeia que paga as despesas
     Em 2008 foi finalmente decidida a independência do Kosovo e o Governo entregue pela NATO/UE ao dirigente do Partido Democrático do Kosovo, entretanto criado, a partir do UÇK e dirigido pelo chefe deste grupo terrorista.
     Neste último domingo este partido ganhou as primeiras eleições legislativas com 33% o que recolocará Hashim Thaçi no lugar de 1ºM se o direito, a justiça, a honra,  ignorar o que se passa, como aliás é o mais provável.
    Mas o passado de Hashim Thaçi não era conhecido dos norte-americanos, e das autoridades da UE?
Eis o que diz "El País":
"O passado criminoso de Thaci não é um segredo para ninguém nem nas capitais europeias nem em Washington. "Eu identifico muito bem os terroristas e estes homens são terroristas" declarou nos finais dos anos 90 o enviado especial do presidente Bill Clinton aos Balcans, Robert Gelbard, sobre o grupo que então Thaci encabeçava. Porém este guerrilheiro y o UCK converteram-se logo em ponta de lança dos EUA na zona e, como lamenta Marty no seu relatório, Thaci goza da protecção dos seus mentores norteamericanos"
    O UÇK fazia parte da lista de organizações terroristas dos EUA até ao momento em que Thaci passou a ser o "seu" terrorista. A partir daí Thaci transformou-se em paladino da liberdade e seguramente dos direitos humanos (daqueles humanos que precisam de órgãos, heroína ou armas)

     Então e a União Europeia que até tem no Kossovo uma Missão especial?
     Bem a Alemanha foi dos primeiros países a atear o incêndio da guerra nos Balcâs para colocar sob a sua influência a Croácia e a Eslovénia visto que a (ex-Federação Socialista da) Jugoslávia, onde a Sérvia predominava, não prestava vassalagem aos interesses alemães. Portanto, na Jugoslávia, a Alemanha tinha interesses coincidentes com os dos EUA e contrariar a América, ainda por cima apoiada pela Alemanha era independência a mais para os hábitos europeus.
     E relativamente a esta matéria que vai a UE fazer?  Diz que vai examinar o relatório e tal...
     A imprensa nacional não traz, a este respeito, metade das notícias do El País. Mas para quem não goste do Castelhano tem o Público, ou o JN.
---------------
    ... As "revitalizações culturais"  dos independentistas não diferem assim tanto das purificações nazis, atenta a disparidade de circunstâncias.
    Ainda estou à espera que os sérvios possam voltar a suas casas na Eslavónia, na Krayna e na própria Bósnia. Uma vergonha a suposta superioridade moral das "democracias". O que agora se passa com o criminoso do Kosovo é, em diferente medida, a mesma indiferença com que se tolerou o fascista Franjo Tudjam, o "pai" da Croácia e negacionista dos crimes no protetorado hitleriano.
-comentário anónimo


Publicado por Xa2 às 10:07 de 21.12.10 | link do post | comentar |

1 comentário:
De Zé T. a 21 de Dezembro de 2010 às 11:44
Ainda bem que existem Democracias e a UE, EUA, Canadá, N.Zelandia, ... são referências do que há de melhor no mundo.

Contudo, as Democracias também tem os seus maus exemplos e práticas, que devem ser reveladas, criticadas, punidas e melhoradas.

O caso da ex-Jugoslávia (forçando o seu desmembramento em repúblicas fantoche, de criminosos de guerra e terroristas, de mafiosos, traficantes e assassinos) foi, nos últimos tempos, um daqueles em que pior se portaram a Alemanha, UE e EUA ... e outros países e governos apoiaram ou toleraram fazendo de conta que não viam/ não sabiam.


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO