1 comentário:
De ... a 21 de Dezembro de 2010 às 13:15
«...
Toda a gente de bem que conheci, desafecta ou mesmo afecta ao salazarismo, respeitava este princípio:
à polícia (e então à secreta!) só se diz o mínimo.
...»


Comentar post