6 comentários:
De ..Quem criou/apoiou os MONSTROS ?.. a 11 de Janeiro de 2011 às 10:17

A questão está em Cavaco ter sido o PAI da criatura que dá pelo nome de BPN (e do monstro dos grandes negócios corruptos e fraudulentos).

Foi ele quem levou Dias Loureiro para ministro e terceira figura dos seus governos e, depois, para conselheiro de Estado.
Foi ele que levou Oliveira e Costa para secretário de estado e para o Banco de Portugal.
Foi ele que se fez rodear da gente que dominava ( e domina) SLN,
e que, AINDA HOJE, PERTENCE AO SEU CÍRCULO ÍNTIMO.

Sem essa gente ter sido catapultada para a ribalta do PODER por CAVACO SILVA, nunca existiria o monstro do BPN.
Sem margem para dúvidas, foi o poder político que lhe foi dado por Cavco que lhes deu o poder económino na SLN e no BPN.

Ora mesmo que seja honesto, o pai de um monstro desses não deve ser Presidente da República, por razões óbvias, que ele próprio se recusa a aceitar apesar de entrarem pelos olhos dentro.

E já agora, alguém se lembra, com que dinheiro é que o único senhor que está detido, em casa por acaso, é que entrou para o tal banco?
Ninguém se lembra duns perdões?



De Caridadezinha e CIRCO ! a 11 de Janeiro de 2011 às 10:57
CAMPANHA PRESIDENCIAL

A campanha para as eleições presidenciais de 23 de Janeiro é de uma miséria confrangendora.

ideias quanto ao futuro e para sair/minimizar a crise, praticamente nada.

E isto no momento em que o mundo está no início de uma longa depressão, no momento em que já foi atingido o Pico Petrolífero e começará em breve o declínio da sua produção, no momento em que os juros da dívida do Estado português atingem taxas nunca vistas, no momento em que o país está de joelhos, com a produção estagnada e com uma taxa de desemprego avassaladora.

Mas nada disto transparece no discurso dos candidatos e dos comentadores encartados da TV.

Só nos faltava agora esta:

"O País está em choque!!!" ...com a morte do paneleiro. (em todos os telejornais, com mais de 15minutos cada sobre este ''assunto'' importantíssimo para o país !!)
Entretem-nos com misérias, estes vendidos de merda.


Comentar post