De STRESS a 23 de Janeiro de 2011 às 15:27
Desemprego é a única coisa sustentável que existe em Portugal
Os dados divulgados esta semana pelo IEFP revelam que o emprego de longa duração afecta já 226 mil portugueses, sendo o desemprego, portanto, a única coisa que cresce sólida e sustentadamente em Portugal. José Sócrates explicou mesmo que o Governo é responsável por este sucesso, pois "não anda à procura de um desemprego fugaz", que "desaparece em dois ou três meses", mas de "um desemprego que perdura no tempo", resultante de uma "estratégia bem pensada de fomento ao desemprego que, de forma estrutural, foi iniciada por Manuel Pinho e continuada por Vieira da Silva". Ao que o IP apurou, o desemprego em Portugal tem bases tão sólidas que conseguirá resistir às contingências da conjuntura internacional, como uma intervenção do FMI, melhor do que outros países menos preparados, como a Grécia e a Irlanda. VE


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres