3 comentários:
De Apartidario a 27 de Janeiro de 2011 às 17:23
Como eu me orgulho de ser português!
Sempre me ensinaram que portugal se escreve com "P" maiúsculo, assim me diz a escola e o corrector automático deste blog, mas neste momento os unicos "P's" maiusculos que eu posso usar para descrever este pais é o "P" de Porcaria, o "P" de Podridão.
Para ser sincero, é difícil continuar a escrever este comentário sem recorrer a palavras consideradas pouco correctas para este blog.
Torna-se cada vez mais normal, mais corriqueiro, estes acontecimentos em portugal.
Parece que o o caso mais mediático da justiça portuguesa, não passou de um simples embuste. não foi mais do que uma peça de teatro.
Alias, não é bem peça de teatro é pura animação de rua!
durante 6 anos esta companhia de jograis andou por Lisboa a animar as hostes e como se não fosse suficiente até fizeram varias digressões pelo país tendo se centrado sobretudo no Baixo Alentejo, em Elvas.

Estava prestes a admirar-me com o simples facto de tudo isto ser possível, com o simples facto de isto ser pura realidade e não uma novela manhosa de muito mau gosto, mas lembrei-me de onde vivo ... vivo em portugal. Quem é que não estava a ver isto acontecer...

Quando chegamos a este nível de INDECÊNCIA, quando chegamos a este nível de BADALHOQUICE , de ESTRUMEIRA, ou o Povo faz alguma coisa ou então estamos condenados a viver que nem Porcos.

Mas como bom Sportinguista que sou, a Esperança é e sempre será a ultima companheira!



De DD a 26 de Janeiro de 2011 às 23:06
Eu não sou alguém neste processo. Seria semanticamente errado dizer "não sou ninguém". Isto para dizer quem tem culpas ou não, mas há dois factores relativamente ao Silvino a salientar:
Independente dos seus antecedentes nitidamente pedófilos e do que terá feito, ele não teve advogado de defesa, mas sim um tal José Maria Martins que tudo fez para o enterrar e o manipulou como elemento de acusação contra outros. O advogado prometeu ao Silvino que teria uma pequena condenação se acusasse os outros e concomitantemente a si mesmo, o que, obviamente não aconteceu.
Por outro lado, as vítimas foram indemnizadas em 50 mil euros antes do processo começar e os condenados estão obrigados a pagar indemnizações da ordem dos 25 mil euros a cada uma das vítimas, pelo que pode ser possível considerar que estavam a defender o deles.
O processo começou por ser político com o objectivo de decapitar o PS, o que foi conseguido com a demissão de Ferro Rodrigues.
Para além de uma acusação sem pés nem cabeça contra Paulo Pedroso, os magistrados colocaram no processo um papel anónimo que acusava Ferro Rodriguese de práticas pedófilas, mas quem escreveu o papel teve o cuidado de dizer que tinham sido praticadas há mais de vinte anos atrás, pelo que o "crime" não podia ser levado a tribunal.
Como Ferro Rodriguese foi substituído por Sócrates que ganha uma maioria absoluta na AR, os magistrados afastaram o PS do assunto Casa Pia e voltaram-se para o caso Freeport, no qual não descobriram o mais infímo elemento de prova contra o atual PM e acabaram com essa gigantesca infâmia de deixar perguntas por fazer após mais de seis anos de processo, pretendo que foi a falta de tempo que não permitiu acusar Sócrates, no que incorreram na maior de todas as MENTIRAS alguma vez propalada por magistrados. Aquelas perguntas podia ser escritas em 10 minutos e enviadas por e.mail ou fax ao PM. E durante mais de seis anos não tiveram tempo? Nos últimos dias não apareceu na investigação um único elemento novo que justificasse qualquer das perguntas que os MENTIROSOS deixaram no processo.


De inJUSTIÇA tuga a 26 de Janeiro de 2011 às 10:14
claro.... então todos os outros se safam (seja por ''falta de provas'', por ''irregularidades processuais'', por prescrição de prazos, por adiamentos e recursos sucessivos, por ''contradições testemunhais'', ...) e só ele é que paga as favas...
era altamente INjusto !!

A inJUSTIÇA oficial tuguesa é cega, surda, muda, perneta, maneta, ... e a soldo.

A JUSTIÇA (o ''sistema'' : a legislação, os meios, os agentes, os processos, as investigações, ...) está nas ruas da AMARGURA, isto é uma CHARADA de muito mau gosto para a maioria dos cidadãos !!

Mas que há CULPADOS (responsáveis directos e indirectos e em diferentes graus e momentos/fases), lá isso há !!

um conselho:
nesta terra SEM Estado decente, presente e JUSTO, ...
quem tiver problemas de Justiça a resolver FUJA dos TRIBUNAIS !! ,
procure antes um MENOS MAU ACORDO;
ou
procure saldar as suas contas/créditos com a ajuda dum ''fafe'', numa 'esquina' e sem testemunhas...


Comentar post