O Primeiro Resultado dos Estudos de Passos Coelho

Passos Coelho mostrou a sua extrema “lucidez” e “inteligência” ao exigir do Governo a lista das empresas públicas que têm prejuízos e que devem encerrar.

Qualquer cidadão sabe que as empresas públicas de transporte registam prejuízos, os quais são tanto maiores quanto mais elevados são os custos em combustíveis. Em particular podemos citar a CP, as empresas dos Metros, a Carris, a Soflusa, a TAP e um certo número de empresas municipais, umas mais que outras.

O Coelho falou em fechar as empresas públicas que dão prejuízo. Será que ele quer deixar os lisboetas sem o Metro, a Carris e os cacilheiros da Soflusa, etc.

Estas empresas dão prejuízo porque cobram valores relativamente baixos e a sua atividade tem grandes implicações sociais, principalmente no que respeita aos passes sociais, algo fundamental para os portugueses e que não podem ser retirados através de qualquer birra de Passos Coelho.

Assim, a CP tem linhas muito lucrativas como as suburbanas com grande número de passageiros, a linha Lisboa ao Porto, mas tem igualmente linhas para o interior com poucos passageiros e resultados negativos, mas não com uma menor valia social.

Não há muitas outras empresas públicas significativas com grandes prejuízos excepto o BPN, a empresa do PSD Cavaquista com figuras gradas do partido do Passos Coelho como o Oliveira e Costa e Dias Loureiro.

Segundo o Expresso, Passos Coelho está rodeado de economistas radicalmente financeiros e, na maior parte dos casos, milionários ou quase, que nunca andam de Metro ou de comboio, pelo que nada entendem de transportes públicos e acham que o País se resume às finanças públicas e que seria barato fechar empresas importantes com grande relevância social. Será que Catroga, Bento, Duque, Moedas e outros percebem algo de qualquer coisa que não sejam as suas contas bancárias.

Essas e outras empresas até podem ser privatizadas, mas na condição de os preços que cobram subirem bem mais de 150%, segundo um estudo publicado há tempos num blog.

Passos Coelho, diz o Expresso, anda a estudar a fundo com uma equipa de 60 pessoas as questões do Estado, nomeadamente as finanças. Pela primeira proposta parece que não aprendeu muito ou está rodeado de nabos.



Publicado por DD às 21:36 de 30.01.11 | link do post | comentar |

5 comentários:
De Samurai a 1 de Fevereiro de 2011 às 13:29
Não quero ser políticamente incorrecto, mas o Dr. Passos Coelho, esse "pequeno imperador do PSD", arrisca-se a ver a sua cabeça empalada em praça pública, caso a sua provocação à paciência e bom senso dos portugueses continue a seguir a mesma linha. Que este Sr. é um pau mandado do capitalismo, já nós sabiamos, mas tornou-se óbvio com este tipo de ideia luminosa que o Dr. Passos Coelho anda mesmo ao serviço das aves de rapina que não querem saber do povo para nada, apenas lhes interessa o seu expólio financeiro. A paciência do povo está a chegar ao limite e se o Dr. Passos Coelho insiste em não nos deixar nada a perder, pois assim seja, vamos tentar privatizar a sua alma no inferno. Mas que grande fdp!


De Pastor a 31 de Janeiro de 2011 às 10:56
É mais seguro, honesto e saudável guardar um rebanho de cabras em terras de Barroso que uma manada de corruptos bois em Lisboa, Porto , Funchal ou qualquer outra cidade deste pequeno país que tantos ladrões alberga.
São uns insaciáveis


De DD a 31 de Janeiro de 2011 às 23:56
É sempre errada a generalização abusiva e ofensiva. Nunca são todos isto ou aquilo, mas, infelizmente, é isso que se faz. O próprio tribunal de contas considera como dívidas os custos futuros dos leasings e aluguer de equipamentos. É como se uma pessoa que alugue uma casa considere que está endividada até ao fim da vida no valor da renda e eu estou endividado no valor da comida, energia, roupa, etc. que vou continuar a gastar até ao fim da vida.
Refiro-me a isto porque uma parte importante do material rolante do Metro, CP, Carris, TAP foi adquirido em regime de leasing e aluguer.
Portugal não é rico, mas seria bom que o fosse. Os portugueses também não são ricos à exceção de uma minoria insignificante, pelo que o nosso Estado esteve sempre perante o dilema de nada fazer ou utilizar meios de pagamento protelados.
Nada disto éagradável, mas não é roubo, a não ser para os estúpidos. Ninguém anda a roubar seja o que for. Há quem ganhe mais ou menos, mas isso aconteceu sempre em todas as sociedades, mesmo na China de Mao durante a revolução cultural em que Mao, a mulher e um pequeno bando viviam nos palácios dos antigos imperadores e o próprio Mao tinha 200 jovens guardas femininas para todo o serviço.
Lenine, logo após a revolução, instalou-se no palácio do antigo imperador e apoderou-se do Rolls Royce do mesmo, o que não foi feito pelos governantes democratas do governo de Kerensky que apeou e que eram muito mais semelhantes ao PS e aos restantes partidos da nossa democracia, os quais instalaram no antigo palácio de Inverno um grande hospital e numa pequena parte do mesmo a sala de reuniões do conselho de ministros. Tudos está fotografado no livro "O Século da Rússia", incluindo as grandes enfermarias debaixo dos luxuosos candelabros e pinturas de parede do palácio imperial.


De sanguessugas a 30 de Janeiro de 2011 às 22:20
umas sanguessugas insaciáveis que por mais que suguem nunca chegam a estar satisfeitas. desdenham de tudo que é Estado ao mesmo tempo que o espoliam até ao tutano.
Esse Coelho do PSD serve-lhes , maravilhosamente, como lebre para a caça aos tesouros, ainda, disponíveis
Mas atenção "DD" como socialista que já se afirmou de ser mantenha o seu líder alertado, é que muitas vezes, demasiadas vezes, ele tem-se posto a jeito e tem feito certos favores a essa gente.


De DD a 30 de Janeiro de 2011 às 22:31
É verdade, aumentou os bilhetes do Metro em 5 cêntimos.


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO