5 comentários:
De sanguessugas a 30 de Janeiro de 2011 às 22:20
umas sanguessugas insaciáveis que por mais que suguem nunca chegam a estar satisfeitas. desdenham de tudo que é Estado ao mesmo tempo que o espoliam até ao tutano.
Esse Coelho do PSD serve-lhes , maravilhosamente, como lebre para a caça aos tesouros, ainda, disponíveis
Mas atenção "DD" como socialista que já se afirmou de ser mantenha o seu líder alertado, é que muitas vezes, demasiadas vezes, ele tem-se posto a jeito e tem feito certos favores a essa gente.


De DD a 30 de Janeiro de 2011 às 22:31
É verdade, aumentou os bilhetes do Metro em 5 cêntimos.


De Pastor a 31 de Janeiro de 2011 às 10:56
É mais seguro, honesto e saudável guardar um rebanho de cabras em terras de Barroso que uma manada de corruptos bois em Lisboa, Porto , Funchal ou qualquer outra cidade deste pequeno país que tantos ladrões alberga.
São uns insaciáveis


De DD a 31 de Janeiro de 2011 às 23:56
É sempre errada a generalização abusiva e ofensiva. Nunca são todos isto ou aquilo, mas, infelizmente, é isso que se faz. O próprio tribunal de contas considera como dívidas os custos futuros dos leasings e aluguer de equipamentos. É como se uma pessoa que alugue uma casa considere que está endividada até ao fim da vida no valor da renda e eu estou endividado no valor da comida, energia, roupa, etc. que vou continuar a gastar até ao fim da vida.
Refiro-me a isto porque uma parte importante do material rolante do Metro, CP, Carris, TAP foi adquirido em regime de leasing e aluguer.
Portugal não é rico, mas seria bom que o fosse. Os portugueses também não são ricos à exceção de uma minoria insignificante, pelo que o nosso Estado esteve sempre perante o dilema de nada fazer ou utilizar meios de pagamento protelados.
Nada disto éagradável, mas não é roubo, a não ser para os estúpidos. Ninguém anda a roubar seja o que for. Há quem ganhe mais ou menos, mas isso aconteceu sempre em todas as sociedades, mesmo na China de Mao durante a revolução cultural em que Mao, a mulher e um pequeno bando viviam nos palácios dos antigos imperadores e o próprio Mao tinha 200 jovens guardas femininas para todo o serviço.
Lenine, logo após a revolução, instalou-se no palácio do antigo imperador e apoderou-se do Rolls Royce do mesmo, o que não foi feito pelos governantes democratas do governo de Kerensky que apeou e que eram muito mais semelhantes ao PS e aos restantes partidos da nossa democracia, os quais instalaram no antigo palácio de Inverno um grande hospital e numa pequena parte do mesmo a sala de reuniões do conselho de ministros. Tudos está fotografado no livro "O Século da Rússia", incluindo as grandes enfermarias debaixo dos luxuosos candelabros e pinturas de parede do palácio imperial.


De Samurai a 1 de Fevereiro de 2011 às 13:29
Não quero ser políticamente incorrecto, mas o Dr. Passos Coelho, esse "pequeno imperador do PSD", arrisca-se a ver a sua cabeça empalada em praça pública, caso a sua provocação à paciência e bom senso dos portugueses continue a seguir a mesma linha. Que este Sr. é um pau mandado do capitalismo, já nós sabiamos, mas tornou-se óbvio com este tipo de ideia luminosa que o Dr. Passos Coelho anda mesmo ao serviço das aves de rapina que não querem saber do povo para nada, apenas lhes interessa o seu expólio financeiro. A paciência do povo está a chegar ao limite e se o Dr. Passos Coelho insiste em não nos deixar nada a perder, pois assim seja, vamos tentar privatizar a sua alma no inferno. Mas que grande fdp!


Comentar post