E se o próximo for um Juiz?

Leio que em Braga "um estudante de 20 anos foi detido por ter agredido a pontapé na rua um homem de 60 anos que nem conhecia e sem haver motivo. O idoso veio a falecer no hospital". O Juiz que tratou deste caso decidiu manter o jovem em liberdade até julgamento "por não constituir perigo para a sociedade".

Que estranhas razões. O jovem não é um perigo?! Penso que uma decisão destas não é de uma pessoa em perfeito equilíbrio mental.

Apetece dizer. Foi pena que o ponteado sem haver motivos, sem ser conhecido, não tenha sido o juiz que decidiu pôr "este menino tão bem comportado" em liberdade.

João Abel de Freitas [PuxaPalavra]


MARCADORES: ,

Publicado por JL às 00:03 de 21.04.11 | link do post | comentar |

7 comentários:
De Ritinha a 25 de Abril de 2011 às 14:29
A lei não foi respeitada pelo juiz que libertou o assassino do idoso de 60 homens.
A pessoa que mata sem motivo uma pessoa desconhecida é sempre, sempre um perigo para a sociedade. Ninguém garante que não repita o crime, dado que o fez sem qualquer motivação para isso.
O juiz portou-se como um crápula criminoso, um inimigo e sabotador da ordem pública, uma pessoa que não respeita a lei, a quem deve ser feito um processo disciplinar e ser expulso da magistratura.
Infelizmente, há muitos juízes como este nos tribunais portugueses que não respeitam a LEI.


De Aplique-se a lei, pois claro! a 21 de Abril de 2011 às 12:07
È a lei meus amigos, é alei!

O mal é deixarmo-nos ser "governados" por um bando de energúmenos e oportunistas que instabilizam e degradam a legislação que mais serve a corruptos e bandidos do que (aos poucos que restam) honestos cidadãos.

Os juízes , ah os juízes , esses pavões (como afirma Marinho Pinto) não fazem outra coisa que não seja aplicar a lei...


De Izanagi a 21 de Abril de 2011 às 17:54
Essa da lei é uma boa desculpa. No mesmo dia em que o autor do homicídio foi libertado, juízes houve que mantiveram preso um suspeito de tentativa ( repito, tentativa) de homicídio , conforme se pode ler em órgãos de comunicação social.
Será que a lei, para os Juízes, não é igual para todos os cidadãos? Seguramente que sim.


De o respeito pela lei vigente a 21 de Abril de 2011 às 23:20
Quer um como o outro aplicaram a lei
ou não será ?

O "bom senso" de cada Juiz, ainda que com decisões aparentemente contraditorias, na respectiva "ponderação dos factos".

Um jurista deverá saber que assim é, conorde-se ou não com a lei vigente.


De Izanagi a 22 de Abril de 2011 às 00:40
Afinal em que ficamos: a lei ou o "bom senso do juiz"?
è que não deve ser preto e branco em simultâneo.. Pelo menos num estado de direito


De Izanagi a 21 de Abril de 2011 às 01:01
Sem dúvida que é pena que a vítima não tenha sido um juiz, se bem que nesse caso, houvesse fortes possibilidades , de até não ser um crime, mas sim uma expurgação de um mal que muito tem afectado o país.


De Zé das Esquinas, o Lisboeta a 21 de Abril de 2011 às 07:53
Hi, hi, hi, hi...


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Novembro 2019

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO