De Calipulense a 11 de Maio de 2011 às 15:02
Antão nã queira vocemecê lá saber ao estado a que isto chegou aqui em Estremoz. São autenticas porqueiras nas ruas mais escondidas da vila.
Já ninguém alimpa como dantes, nã é compadre?


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres