De .(des-) União Europeia ?!. a 15 de Junho de 2011 às 15:07
A União Europeia ainda será uma boa ideia?
(- por Daniel Oliveira, Expresso Online)

Num momento em que o empréstimo europeu a Portugal, a JUROS de ROUBO, começa já a fazer sentir os seus efeitos - risco de incumprimento aumentou, juro da dívida também - o Banco Central Europeu quer, finalmente, iniciar um processo que ajude a uma REFORMA da zona euro.
(- como? )
- Aumento do orçamento europeu, como se exigiria para ter uma moeda saudável?
- Possibilidade de emissão de dívida pública europeia, como existe a qualquer Estado com uma moeda própria?
- Harmonização fiscal, para impedir uma competição entre Estados que, inevitavelmente, levará os cofres públicos à ruína?
Ou seja:
aprender alguma coisa com os erros que levaram o euro a este beco com saída?
Nada disso.

Jean-Claude Trichet quer a introdução de SANÇÕES mais rápidas, pesadas e sistemáticas em caso de derrapagem orçamental. E é isto.
Ou seja, quer garantir que o Estados que se vejam em situação de emergência sejam ENTERRADOS ainda vivos.
Porque na ortodoxia burra do senhor Trichet o ATAQUE ao EURO não existiu e o governo económico da Europa resume-se a umas boas reguadas dadas a tempo.

A Europa é, como se tem visto, governada por INCOMPETENTES mas, valha-nos isso, cheios de convicções ideológicas.
Como para os defensores dos planos quinquenais do socialismo real, também estes religiosos não conhecem factos que abalem as suas certezas.
E enterrarão a Europa seguros da sua inabalável fé.
Nada - rigorosamente nada - do que aconteceu nos últimos dois anos lhes dá razão. Mas isso é indiferente.

Por mim, se o caminho da Europa é este, se a solidariedade entre Estados se resume à LEI do MAIS FORTE, é provável que reste aos europeus apenas uma solução para salvar a Europa:
DESMANTELAR, mal isso seja possível, a UNIÃO.
E quem o diz é um europeísta convicto. Só que às mãos do senhor Trichet, da senhora Merkel e de tantos sociopatas a União transformou-se num Frankenstein perigoso.

Ela está a DESTRUIR o modelo social europeu, as economias PERIFÉRICAS, a paz social, a estabilidade política e, em última análise, a DEMOCRACIA na Europa.
Ela foi uma excelente ideia. Mas nenhuma boa ideia vale a destuição de todos valores que essa mesma ideia jurou querer defender.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres