2 comentários:
De Zé T. a 11 de Setembro de 2011 às 22:54
Tantas propostas que se apresentam e depois, espremidas, dão pouco sumo ou não são implementadas eficazmente...

1- vontade: parabéns a quem propõe e participa...

2- Forma: continuo a preferir o KIS ("keep it simple"). Textos (moções, propostas) curtos, simples, sem repetições, ...

3- conteúdo:

- subscrevo a importância das frases/ideias marcadas (a amarelo) no post.

- gostei do novo SG ter dado Liberdade de Voto aos Deputados ...

- não concordo que os Delegados ao Congresso o sejam na qualidade de apoiantes de uma moção (qq)
-que a maior parte das vezes nem leem nem discutem nas suas secções...-,
pois os delegados devem ser eleitos (e há demasiados que o são por inerência e não por eleição directa) pelos seus camaradas de secção,
pelos seus méritos pessoais e previsível capacidade de realizar melhor,
como verdadeiros representantes do colectivo a que pertencem (secção) e
não como ''Nomes numa lista de apoiantes de tudo e nada'' que apenas se querem pavonear, mostrar, estar próximo dos 'grandes'/ colunáveis e ganhar alguns contactos ou tachos...


De .Prop. p. MELHORAR o PS.. a 12 de Setembro de 2011 às 10:28
contributo para melhorar o PS.:

a) - CATIVAR jovens/cidadãos para militantes do PS / dotar o partido de uma muito maior base de filiados, cidadãos com vida e profissão fora da política, com conhecimento e experiência que enriqueçam o partido e o debate de ideias...com as suas ideias, intervenção, capacidade critica e participação nas eleições internas ... 1- Lançar uma campanha de INFORMAÇÂO e promoção da filiação no partido junto dos cidadãos simpatizantes do partido e independentes, que apele adesão e explique a importância de participar dentro do partido, como militante.. 2- Tornar a filiação no partido 100% on-line, com confirmação da inscrição após pagamento da quota por multibanco. ... fazer a RE-FILIAÇÂO e levantamento dos Valores Humanos e Técnicos existentes nas fileiras do Partido e dar-lhes melhor uso ... e integrar todos os militantes numa REDE GERAL de interesses comuns e especializados... chamando-os a participar (via electrónica e de modo rápido, simples), concretamente naquilo que cada um melhor sabe e pode contribuir...

b) Implementar novas formas de participação dos militantes na vida interna do partido que rentabilizem o pouco que TEMPO que a grande maioria dos militantes tem disponível para o partido (menos tempo disponível não significa que têm menos VALOR para o partido), e ao mesmo tempo, tirem partido das novas tecnologias para tornar essa participação mais alargada e mais produtiva. ... tornando os encontros do partido mais estimulantes e enriquecedores.
...2- Desenvolvimento de formas de PARTICIPAÇÂO ELECTRÒNICA/ on-line, seja através de redes sociais, inquéritos on-line, etc... voto electrónico nas eleições e REFERENDOS INTERNOS.... e implementação das CIBERSECÇÕES (secções partidárias com participação via internet)

c) Promover o conhecimento / FORMAÇÂO dos simpatizantes/ JS/ militantes, relativamente às melhores formas, técnicas e práticas cívico-partidárias e políticas, e a temas como:
processo de candidatura a cargos políticos e/ou partidários, redigir moções e propostas, como apresentar e debater/discutir temas políticos em democracia e com civismo, ...
regulamento interno (geral, eleitoral, ...), Constituição, processo legislativo e tipos/características de diplomas legais...
o que é o Estado?, que tipos e dimensões duma Administração Pública, ...
«políticas públicas», administração pública, contabilidade pública e OGE, ...
Municípios, empresas públicas, cooperativas, associações, fundações, ...
impostos, taxas, subsídios, isenções, ...
administrações/divisões do território, património, Reservas (REN, RAN, parques ...), recursos estratégicos nacionais, ...
soberania, independência, autonomia, federação, união europeia, ...


Comentar post