Compreender a Dívida Pública

MARCADORES: , , ,

Publicado por [FV] às 17:49 de 03.11.11 | link do post | comentar |

3 comentários:
De Zé T. a 4 de Novembro de 2011 às 12:10

No contexto desta crise, são TRETAS (políticamente intencionais) afirmações como:
« a culpa é da má gestão das despesas do Estado ou de baixa competitividade» e que
« as únicas soluções são privatizar a economia e aplicar planos de austeridade » (aos trabalhadores, à classe média)
...
----------------------------------
- ''Dívida pública'' ? ou privada ?!!

1. o problema das ''dividas soberanas'' é que c. dois terços é dívida PRIVADA (bancos, empresas, famílias), e só é um problema porque os governos (de Direita em 25 dos 27 países da UE, e com políticas neo-liberais...) assumiram os problemas dos bancos, suas dívidas e má gestão.

2. É matematicamente IMPOSSÍVEL resolver a questão das dívidas públicas e privadas, sem abordar a questão da criação monetária pelo crédito com juros associados, porque estas são as CAUSAS da dívida !.
...
----------------------------
3. É impossível sustentar os serviços de um ESTADO (mesmo ''magro'', reduzido, sem ''má gestão'') sem IMPOSTOS e estes terão de ser suportados por TODOS os cidadãos e EMPRESAS.

Contudo, o sistema vigente em Portugal (e ...) está distorcido, pois :
-- os TRABALHADORES por conta de outrém PAGAM impostos e
-- as Empresas FOGEM aos IMPOSTOS
(seja por falsificação de contabilidade, seja por actuarem ''debaixo da mesa''/sem recibos ou por sedearem os seus RENDIMENTOS/LUCROS em ''OFFSHORES''- onde não pagam impostos ou têm taxas baixíssimas ),
pelo que

- O que fazer ?

-- as Transações Financeiras (para o exterior) devem ser fortemente taxadas (''taxa Tobin'');
-- os ''offhores'' devem acabar ou ser-lhes exigida total transparência e troca de informações às autoridades dos países, tal como aos bancos (acabando com o segredo bancário) e um controlo muito apertado ;
-- ...


De . Burlões: 9 mil milhões do BPN + ... a 4 de Novembro de 2011 às 14:03
9. 7 1 0. 5 3 9. 9 4 0, 0 9 euros......
Não deixem de ler e repassem...............

DIVULGAR PARA QUE TODOS SAIBAM


9 . 7 1 0 . 5 3 9 . 9 4 0 , 0 9
(NOVE-MIL-SETECENTOS-E-DEZ-MILHÕES-DE-EUROS)

CASO BPN: ESCÂNDALO E IMPUNIDADE
A burla cometida no BPN não tem precedentes na história de Portugal !!!
O montante do desvio atribuído a Oliveira e Costa, Luís Caprichoso, Francisco Sanches e Vaz Mascarenhas é algo de tão elevado, que só a sua comparação com coisas palpáveis nos pode dar uma ideia da sua grandeza.

Com 9.710.539.940,09 (NOVE MIL SETECENTOS E DEZ MILHÕES DE EUROS.....) poderíamos:
Comprar 48 aviões Airbus A380 (o maior avião comercial do mundo). Comprar 16 plantéis de futebol iguais ao do Real Madrid.
Construir 7 TGV de Lisboa a Gaia. Construir 5 pontes para travessia do Tejo. Construir 3 aeroportos como o de Alcochete.
Para transportar os 9,7 MIL MILHÕES DE EUROS seriam necessárias 4.850 carrinhas de transporte de valores!
Assim, talvez já se perceba melhor o que está em causa.
Distribuído pelos 10 milhões de portugueses, caberia a cada um cerca de 971 euros !!!

Então e os Dias Loureiro e os Arlindos de Carvalho onde andam?!

E que tamanho deveria ter a prisão para albergar esta gente?!

ONDE ESTÃO OS PRESIDENTES DA REPÚBLICA,
OS MINISTROS, DEPUTADOS,
JUÍZES, AUTARCAS, ETC. ETC.,
PARA DEFENDER O NOSSO POVO?


De EDP e outros q.-monopólios a 4 de Novembro de 2011 às 15:06
ACHAM QUE A ELECTRICIDADE ESTÁ CARA ?....

... E agora contem com os 23% em cada fatura. De 63.00€ /mês ( conta certa) que pagava, passei a pagar 75.00€/mês, sem aumento de gastos em energia. Cá estamos a pagar a crise e os ordenados dos administradores......

O QUE PAGAMOS NA FACTURA DA ELECTRICIDADE....

Caros amigos:
Vocês por acaso sabem o que pagam na factura da electricidade?
Eu também fiz a mesma pergunta antes de saber o que andamos a pagar.
Vejam, neste exemplo duma factura de cerca de 66,50 €.

O que se paga:
- 3,8 €, correspondentes a 6% do IVA (vamos passar a pagar 23%);
- 4,5 €, correspondente a 7% de Taxa para a RDP e RTP
(para que Malatos, Jorge Gabrieis, Catarinas Furtados e outras possam receber para cima dos 20.000€ por aqueles trabalhos de grande exigência e de grande responsabilidade.).
- 35,6 €, para subsídios vários, que correspondem a 53% do total da factura (em 2011 estes subsídios vários já atingiram 2.500 M€. Para não se perderem são dois mil milhões de Euros)

- 22,6 € correspondente realmente ao EFECTIVO consumo efectuado, ou seja 34% do total da factura. Desta forma, apenas consumimos 22,6 € de electricidade, mas pagamos no total 66,50 €.

Mas agora vamos ver o que são os subsídios vários, ou seja, os 53% do total da factura que pagamos, e que este ano já vão em 2.500 M€.
Permaneçam sentados para não caírem de cu:

- 3% são a harmonização tarifaria para os Açores e Madeira, ou seja, e um esforço que o país (TODOS NÓS) fazemos pela insularidade, dos madeirenses e açorianos, para que estes tenham electricidade mais barata.
Isto é, NÓS já pagamos durante 2011, 75 M€ para aqueles arquipélagos terem a electricidade mais barata !!!!!!!!!!!!!!!

- 10% para rendas aos Municípios e Autarquias. Mas que merda vem a ser esta renda?
Eu explico: a EDP (TODOS NÓS) pagamos aos Municípios e Autarquias uma renda sobre os terrenos, por onde passam os cabos de alta tensão.
Isto é, TODOS NÓS, já pagamos durante 2011, 250 M€ aos Municípios e Autarquias por aquela renda.

- 30% para compensação aos operadores.
Ou seja, TODOS NÓS, já pagamos em 2011, 750 M€ para a EDP, Tejo Energia e Turbo Gás.

- 50% para o investimento nas energias renováveis. Aqueles incentivos que o Sócrates deu para o investimento nas energias renováveis e que depois era descontado no IRS, também o pagamos. Ou seja, mais uns 1.250 M€.

- 7% de outros custos incluídos na tarifa, ou sejam 175 M€. Que custos são estes?

São Custos de funcionamento da Autoridade da Concorrência, custos de funcionamento da ERSE (Entidade Reguladora dos Serviços Eléctricos),
planos de promoção do Desempenho Ambiental da responsabilidade da ESE e planos de promoção e eficiência no consumo, também da responsabilidade da ERSE.

Estão esclarecidos? Isto é uma vergonha. NÓS TODOS pagamos tudo!

Pagamos para os açorianos e madeirenses terem electricidade mais barata, pagamos aos Municípios e Autarquias, para além de IMI's, IRS's, IVA's em tudo que compramos e outras taxas... somos sugados, chupados, dissecados...

E agora querem Privatizar este quase-Monopólio... o que acham que vai acontecer ?
(a exemplo do que se passou noutros países... ) vão aumentar os preços aos consumidores, vai decair a qualidade (apagões, irregularidades de potência, ...), vão despedir grande parte dos trabalhadores, ... e vão aumentar os Lucros dos accionistas e os vencimentos e prémios dos administradores ... e vão deixar de pagar impostos porque passam a sede para uma offshore. !!


Comentar post

DESTAQUE DO MÊS
14_04_botão_CUS
MARCADORES

todas as tags

CONTACTO

Email - Blogue LUMINÁRIA

ARQUIVO

Junho 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Online
RSS
blogs SAPO