1 comentário:
De Cidadão, putativo a 29 de Junho de 2009 às 10:44
Vivemos "à laia " do período do Império Romano quando a justiça era só para os cidadãos.

Cidadãos, naquele tempo como agora para algumas situações, eram aqueles que detinham certos privilégios e reconhecimento pela sociedade e pelo Estado de viver com essa dignidade, isto é "pelos senhores que detinham o poder".

Tambem já havia votos e democracia, mas...

Embora a Constituição da Republica diga que "os tribunais são órgãos de soberania com competencia para administrar a justiça em nome do povo", na prática o que fazem é usar o nome do povo "abusivamente" e não para seu proveito.


Comentar post