4 comentários:
De .Imaginação contra o Poder... a 4 de Setembro de 2012 às 17:26
« (negócio dos submarinos)
« DEVOLVE OS DOCUMENTOS PORTAS »
- um ultimato da comunidade com o alto patrocínio do Ministério da Contrapropaganda .» JÁ !

2004: (Portas) Fotocopia 61 mil 893 páginas antes de deixar o ministério da defesa

2009: Rebenta o caso “submarinos” em Portugal

2010: Rebenta o caso “submarinos” na Alemanha

2011: Regressa ao governo para o ministério dos negócios estrangeiros

2012: Desaparecem documentos. Um dos processos é arquivado.


De .Corrupção, não-Justiça, submersos. a 4 de Setembro de 2012 às 11:27
Cândida Cândida !
(-por AG , Causa-nossa, 4/9/2012)

É só candura, ou é da campanha para PGR?
Como explicar as mirabolantes declarações da Dra. Cândida Almeida para auditores PSD na Universidade de Verão do dito?

Ultrapassou tudo o que já lhe conheciamos em imprecisão e leveza (vd. posts seguintes sobre a investigação submarinos).

Mas a generalização engraxadora dos "políticos" que, garante, "não são corruptos"
- ela que chefia há anos um DCIAP incapaz de levar a julgamento os mais notórios e descarados corruptos deste país
- é deprimentemente desqualificadora. Da cândida Dra. Cândida.

Desqualificadora não apenas para o almejado lugar de PGR: desqualificadora do DCIAP que ineptamente ela encabeça.

-------------
Submarinos: os alemães não colaboram? Então porquê?

Admitamos que quem fala verdade não é o Procurador de Munique.
Nesse caso, como eu escrevi na edição da semana passada do "SOL":

"É preciso apurar se, de facto, os alemães estão a entravar a clarificação dum assunto embaraçoso para o Presidente Barroso, por muito que ele se tente distanciar e a Comissão Europeia arraste os pés nas três queixas que lhe submeti. Afinal, trata-se do maior contrato de defesa celebrado por Portugal e pelo governo Durão Barroso: se como PM não deu conta de contratos tão grosseiramente ruinosos para o Estado, como pode na CE dar conta do contrato europeu?

Os submarinos são ponta de icebergue - há outros contratos de defesa imersos em corrupção e falsas contrapartidas.
Há portugueses e estrangeiros responsáveis, mas impunes. Há parceiros e instituições europeias cúmplices, por acção e omissão. Os submarinos ora submergem, ora emergem - filosofa o ora ME/MNE Paulo Portas.

Mas o Estado, esse, afunda-se, quanto mais tarda a Justiça.

(O artigo, publicado no jornal "SOL" , pode também ler-se aqui, integralmente na ABA DA CAUSA)
---------

A submersão da Dra. Cândida

A Dra. Cândida Almeida voltou a argumentar, na Universidade de Verão do PSD, que a justiça alemã não está a colaborar com a justiça portuguesa na investigação dos submarinos.
Mas estranhamente sublinhou os seus porfiados esforços junto ...da Procuradoria de Essen.

Ora, essa Procuradoria diz, a quem lhe perguntar (e foi o meu caso), que há muito não tem mais a ver com o processo, passou todo o material apreendido na busca conjunta com as procuradoras portuguesas para a Procuradoria de Munique, onde já havia investigações abertas contra a Ferrostaal por corrupcão em diversos negócios.

Parece que a cândida Dra. Cândida anda distraída, não sabe disso, nem sequer sabe que em Munique administradores da Ferrostaal até já foram condenados por corromper gente em Portugal na venda dos submarinos:

a Dra. Cândida parece viver na Cuculândia e gaba-se de que só em Portugal há investigações assim, sobre compras e vendas de Estado!!!

Esquece-se de que em Portugal elas se arrastam e não vão a lado nenhum, sob a sua cândida e distraída direcção...

Eu escrevi ao Procurador de Munique. E tive resposta: ele diz que deu tudo o que havia sido pedido pela PGR e que o deu em oito meses. E mais dará, se lhe for pedido....

No entanto, a Dra. Cândida continua a queixar-se da falta da colaboração alemã - no post seguinte, assinalo o que importa apurar, se isto é mesmo como diz a cândida Dra. Cândida.

Eu cá bem quero colaborar com o nosso MP, até para o ajudar a obter a colaboração estrangeira de que precisa e se arrepela por não chegar. E até consegui ser reconhecida como assistente do processo - mas acesso ao processo ou aos investigadores, qual quê?

o DCIAP da Dra. Cândida mantem o processo aferrolhado, em "segredo de Justiça"!

E os corruptos a rir e a ver passar o tempo, com tudo convenientemente ...submerso.


De .Ver Destruir ou Insurreição Popular. a 4 de Setembro de 2012 às 11:17

Desvarios colossais

(-por AG ,26/82012, Causa-nossa)

Férias. Mergulhos na família, tempo de casa, sol, mar, verde, azul. Defeso de política, jornais, mails e tv só q.b. Não ligar, não ligar e sobretudo não reagir, sobretudo nos poucos dias que restam.

Submarinos emergem e submergem, diz o outro. Pois!
Pois afundar, afundar, afundar! é o buzzword do gang.

Privatizar por tuta e meia o que renda, desarmar o Estado, desmantelar serviço publico, passar a RTP a amigalhangolanos, destruir coelhamente apoios e instituições sociais...

Continuar as borgas para os Borges, proteger banqueiros e financiadores, arranjar tachos para relváticos compinchas.

E, à conta de ajustar défice e dívida, carregar sobre a classe média, esmagar salários, remover garantias e protecções, desempregar, desempregar, desempregar e sobretudo pô-los de novo a zarpar...

Triplicado o desvio colossal, desmascarado o desajustar do ajustamento, gasparinaceamente afiam a faca para arrasar com mais impostos quem paga - para compensar os que ajudam a fugir.

Por muito que não se queira, é impossível ficar impassível.
"Há mais do que motivos para a insurreição popular e intelectual" diz o DN que diz o Joaquim (Letria): "Somos um país de brandos costumes, ficamos a ver destruir o que resta".
Ficamos?
Ficaremos?
Homessa!

Eu não desisti. E não quero desistir nunca. De Portugal, claro.

E se nos formos a eles, como dantes, Joaquim?


De MoKa a 23 de Agosto de 2012 às 12:46
Exatamente.
O regabofe não acaba porque o PSD e o PS são filhos da mesma mãe. E até se poderemos pensar que são gémeos e gémeos idênticos de tão parecidos que são.


Comentar post