De Administradores bem pagos e comissários a 14 de Dezembro de 2012 às 12:22

'ismo
(- Filipe Castro, 4/10/2011, Esquerda Republicana)
...
...
querer revolucionar a cultura organizacional à bruta, como se faz sempre nos EUA.

Esta crise é aliás geral - veja-se o livro de Benjamin Ginsberg "Faculty Fallout" - e está-se a estender à Europa, através dos canais do costume.

Mas enquanto os ADMINISTRADORES, cada vez mais e mais bem pagos,
estabelecem uma cultura nova, com classes (administradores em cima, professores em baixo, pessoal auxiliar no esgoto),
os lugares de gestão intermédios, como os deões e os directores de departamento, reagem com outra revolução, desta vez contra o sexismo e o racismo que caracterizam o Sul Profundo (dos EUA).

Estas coisas exasperam os OLIGARCAS que mandam no governador e, por simpatia, o governador e o exército de administradores (seria mais correcto chamar-lhes COMISSÁRIOS políticos) que ele nos impõe.

Isto da diversidade e da justiça não são coisas que divirtam muito a maioria dos texanos. Aqui todos temos que ter um rótulo étnico (uma raça, como os cães).
...


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres