2 comentários:
De .política Austericida na UE e Portugal. a 18 de Março de 2013 às 08:59
Conselho Europeu - Acordai!
(-por AG , CausaNossa, 13/3/2013)

A Troika está em Portugal a finalizar a 7a. avaliação do programa de resgate, confrontada com o falhanço grotesco de todas as previsōes grotescas - suas e do Governo português - apesar de muita gente ter avisado que eram grotescamente irrealistas.

E só lhe ocorre reagir com pequenos ajustamentos, mais um ano para cumprir as metas do défice, mais uns anos de extensão das maturidades...

Reflecte o discurso mole e as políticas auto-derrotadoras da UE, com uma Comissão subserviente e temerosa, agarrada às calças e ao calendário da Sra. Merkel.

Portugal, Sr. Presidente, não precisa de pequenos ajustamentos ao ajustamento para disfarçar os colossais erros da Troika - e da UE em particular.

Portugal precisa de uma reviravolta total nas políticas austericidas que a Comissão tem caninamente aplicado - como demonstra o Quadro Orçamental Plurianual, que não serve a solidariedade europeia e não faz a Europa sair da crise.
E por isso o Parlamento Europeu tem o dever de o alterar.

Portugal precisa de que o Conselho Europeu amanhã acorde,
tire consequências da catástrofe económica, social e política que a sua política austericida criou na Europa, antes que maiores tragédias se abatam sobre o nosso continente.

(Intervenção que fiz em debate plenário no PE hoje)


De .Mau PS , Péssimo desGoverno . a 18 de Março de 2013 às 08:52
Sobre a credibilidade deste governo

Quem avalia os avaliadores - Opinião - DN


Este governo mente a toda a hora e sabe que mente. SAbe que este caminho não resolve a grave situação económica do país. Mas insiste.


Vítor Gaspar tem formação suficiente para perceber isso e ainda mais. Então porque insiste? Será que está ao serviço de interesses obscuros que querem que o país prossiga por esta via? A quem serve o empobrecimento da grande maioria dos portugueses? A quem interessa a redução dos estratos da classe média?


Será e isso não duvido, que feito este trabalhinho sujo, em Portugal, já tem garantido um excelente emprego pago a preço de ouro? Será que houve uma negociação prévia nesse sentido?


São hipóteses de não deitar fora, quando se insiste nestas medidas de política que o governo tem tomado e continuará caso não seja corrido.


# posted by Joao Abel de Freitas, PuxaPalavra, 16/3/2013--------------

Dá que pensar

Governo é mau mas oposição não convence - JN

Dá que pensar. Depois de uma grande escalada de ataque aos bolsos dos contribuintes, o PSD principal partido de suporte deste governo sobe. Aproxima-se do PS.

No mínimo, significa esta situação que as pessoas não reconhecem alternativa. Estão desiludidas com os políticos.
E não é para menos. Não se ouve das oposições nenhumas medidas que aliviem o que as pessoas estão a sofrer no dia a dia.
Por isso não podem acreditar em alternativas tão etéreas como é preciso crescer. Só que não dizem como. É exactamente isso que falta.
É exactamente o que falta explicar como o crescimento favorece as pessoas, pois as pessoas já assistiram a períodos de crescimento sem grandes benefícios para si, ou seja para quem trabalha.

Depois não entendem outra coisa porque razão as direitas se entendem para governar e as esquerdas fazem o possível por não se entenderem.

Assim não vai.

---------- (Sondagem Univ, Católica para o JN): Intenções de voto (%em Março2013 e %set.2012):

. PS 31 (= em set.'12)
. PSD 28 (24) .
. CDU 12 (13)
. BE 8 (11)
. CDS 5 (7)
. outros partidos 5 (3)
. branco/nulo 11 (11)

(note-se que diferentes pressupostos/'ambiente' poderão gerar resultados diferentes)


Comentar post