De Dir. Int'l: grandes e sabujos Não cumpre a 5 de Julho de 2013 às 13:56
EUA/Escutas: Tratamento a Morales foi «ridículo e inaceitável» - Presidente do PE

O presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, considerou hoje «ridículo e inaceitável» o tratamento dado ao Presidente da Bolívia, Evo Morales, retido em Viena por 13 horas por suspeitas de transportar Edward Snowden no avião presidencial.

Schulz, que interveio hoje em Madrid numa conferência económica, afirmou que se devia saber «quem deu as ordens» de não autorizar o sobrevoo ou aterragem do avião e que os países europeus não podem «deixar de respeitar as regras do Direito internacional».

Na terça-feira, Portugal, França, Espanha e Itália recusaram o sobrevoo ou aterragem nos seus territórios do avião presidencial boliviano, que regressava de Moscovo a La Paz, devido a suspeitas de que o ex-consultor da CIA Edward Snowden, acusado de espionagem pelos Estados Unidos, estaria a bordo.

Diário Digital / Lusa 5/7/2013


De Imbecis no desGoverno p. LatinAmerica a 5 de Julho de 2013 às 17:13
O IMBECILÉRIO CONTRA A BOLÍVIA.

É preciso determinar com especificação púbica quem foi o imbecil que fez juntar o nome de Portugal ao lamentável episódio internacional de servilismo aos USA, dirigido contra o Presidente da República da Bolívia.
Não está em causa a consistência das motivações invocadas, evidentemente fúteis e alheias ao interesse nacional, dado que são inequivocamente insuficientes para justificarem a proibição de sobrevoo de Portugal pelo avião presidencial boliviano.

Esconder o servilismo político em face dos USA numa alegação de vagas e indetetáveis “razões técnicas” é apenas um agravamento da rasteirice cometida, pelo cobardia política que revela.
Sendo uma das raras áreas da politica externa portuguesa que o governo PSD/CDS não destroçou , a valorização da amizade ibero-americana, especialmente importante na atual conjuntura de crise, foi varrida num momento de excesso de zelo gratuito e idiota.
É uma metáfora sugestiva da ligeireza política “portocoelhista” que tem assombrado Portugal.
Que tudo isso tenha sucedido à notícia de que os USA espiavam a União Europeia é apenas um acréscimo de ridículo.
Que um governo francês de esquerda tenha alinhado no dislate em causa é mais um motivo de melancolia.

Ficamos com vontade de dizer: sejam gente !
Dêem pelo menos a impressão de alguma verticalidade.

(-por Rui Namorado, OGrandeZoo, 3/7/2013)


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres