De Cidadã Maria Barroso, 1925-2015. a 7 de Julho de 2015 às 13:00
Descanse em paz



... uma lutadora pela liberdade e pela democracia, antes e depois do 25 de Abril"

... prevenir a violência e promover os direitos humanos” (fundação Pro Dignitate).

... Maria Barroso (sobre as quotas para o género pouco representado):
“Sei que é uma forma artificial, mas é a única que consegue ajudar a transformar mentalidades. Sobretudo as dos homens, para um dia admitirem que as mulheres têm os mesmos direitos”.
...

... Declamar publicamente o poema Prometeu, de Joaquim Namorado, valeu-lhe dois interrogatórios pela PIDE. “Ficavam furiosos com este poema”, disse numa entrevista ao jornal i, em Maio deste ano, por altura do seu 90.º aniversário, antes de o recitar:

"Abafai meus gritos com mordaças/
maior será a minha ânsia de gritá-los/
amarrai meus pulsos com grilhões/
maior seria minha ânsia de quebrá-los/
Rasgai a minha carne/ triturai os meus ossos/
O meu sangue será a minha bandeira/
e meus ossos o cimento duma outra humanidade/
que aqui ninguém se entrega/
isto é vencer ou morrer…”
...


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres