De . Porquê VOTAR e ... ser Cidadão pleno. a 28 de Setembro de 2015 às 10:43
Interessante.
Creio que muitos cidadãos se reveem na maior parte dessas razões e análise político-partidária ... - o que parece ser sintoma de que muita coisa está mal neste país (logo o nosso contributo para mudar é necessário.).

Eu creio que, apesar de tudo, há algumas diferenças tanto entre os PaFiosos (PSD-CDS) e o PS como entre este e a CDU (PCP-Verdes) e o BE ... e os outros (anti-democraticamente ignorados pelos media/TVs).

Contudo - porque o cidadão só o é se também for político, agente decisor no/para o governo da 'polis'/ país - afirmo a importância de votar num partido ou coligação (conscientemente escolhido ou pelo menos usando o critério do «menos mau»), pois o sistema político eleitoral em que estamos/ vivemos e o nosso dever de cidadão/político assim o exige.

Quanto à escolha (...) cada um deve fazer a sua, usando a sua cabeça e os dados/informação de que dispõe, ... ou qualquer dia até essa essa escolha (liberdade de opção e de voto e de existência de partidos ...) nos retiram.
("...se não a usam para que é que querem... aliás, nem a merecem...!!")

Zé T.


De [FV] a 28 de Setembro de 2015 às 14:25
Infelizmente quem nos vai continuar a (des)governar independentemente de quem ganhar as eleições serão os «mercados», os grandes lobbies e a Alemanha.
E mais, talvez no dia em que nos tirarem a pseudo liberdade de escolha pelo voto, pode ser que o país acorde e se revolte em vez de apenas se indignar.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres