De Empresas e milionários fujões neoliberai a 6 de Abril de 2016 às 17:03

244 empresas ( 23 clientes, 34 beneficiários, e 255 accionistas) portuguesas envolvidas no caso do Panamá.

------
-- E nos outros 'offshores'/ paraísos fiscais quantas mais haverá ?

Aliás, o Panamá nem deve ser actualmente o mais importante ... e há tantos ... e entre eles há uma guerra/ concorrência 'desleal' (até entre estados da Europa) para captar mais clientes na fuga a impostos ou sua redução ...
-------

-- E qual o papel dos mídia (M.C.S., imprensa e TVs) ?

... o Expresso tem acesso aos materiais, mas continua sem divulgar nada de jeito. Limita-se à auto-promoção. Lêem-se neste jornal algumas banalidades, justificadas por, dizem, ainda estarem a investigar.

Entre esses nomes, cujas ligações o Expresso ainda está a investigar, estão beneficiários últimos, acionistas das sociedades offshore, intermediários e clientes. Grande parte dos nomes não são figuras públicas, mas entre eles estão vários empresários e gestores nacionais.

A questão que se coloca é porque é que continua o segredo. Lembram-se do que fez o Expresso com os telegramas do Wikileaks, dos quais o jornal adquiriu o exclusivo de divulgação? Para quem não se lembre, o que se passou foi o seguinte:

A dois de Março do corrente [2011], publicou o Expresso um primeiro conjunto de “telegramas Wikileaks” sobre Portugal. Ironicamente, resolveu este jornal censurar parte desses mesmos telegramas. Mas, uns dias depois, Ricardo Costa, director deste semanário, esteve presente num debate/chat com os leitores do Expresso onde afirmou categoricamente:«No site vamos publicar na integra todos os telegramas. Quem quiser pode ler tudo. No jornal, enquadramos, editamos e corrigimos». (auto-citação)

Acontece que o prometido não foi cumprido e a censura nunca foi levantada.

Ao ver os dias passar sem nada se saber sobre os portugueses envolvidos e observando comportamentos anteriores deste jornal, a questão que se me coloca é se o Expresso está, novamente, a fazer panelinha para proteger alguns.


-- https://aventar.eu/2016/04/06/244-empresas-portugueses-envolvidas-no-caso-do-panama/#more-1250925


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres