De Estado da Caridadezinha e contribuinte a 12 de Maio de 2015 às 09:54
Matéria prima social

(por josé simões, 10/5/2015, derTerrorist)

Mil milhões de euros do dinheiro dos contribuintes para financiar um Estado paralelo ao Estado

que, com "muito amor, carinho e fé em Deus", faz negócio e cria emprego com a miséria alheia,

fomentada por quem administra temporariamente o Estado, na pessoa do (des)Governo que inventa

um "programa de emergência social", pago com mil milhões de euros do dinheiro dos contribuintes.

É a isto que se chama andar à nora, no sentido de andar em círculos e sem sair do mesmo sítio.


http://www.jornaldenegocios.pt/economia/detalhe/passos_coelho_diz_que_governo_nao_falhou_em_materia_social.html



Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres